Vereadores se reúnem e apresentam novas matérias legislativas, em sessão ordinária

Na manhã desta última terça-feira (27), os vereadores reuniram-se em mais uma sessão ordinária, de forma presencial, respeitando as medidas preventivas contra o COVID-19.
Os vereadores apreciaram as seguintes propostas:
A vereadora Verônica Senra solicitou o envio da Moção de Pesar aos familiares da senhora Marilene Jammal Fernandes, esposa do médico e ex-vice-prefeito deste Município, Dr. Arízio Fernandes, falecida na última sexta-feira (23).
O Vereador Daniel Ferreira Solicitou que seja solucionada a falta d’água em algumas ruas do Arenã tal como a Rua do Riacho mais conhecida como (Rua do Roque) e entre outras ruas daquele distrito.
A vereadora Kélia Serafim fez a solicitação de cursos profissionalizantes para as comunidades mais distantes do centro da cidade, Arenã, Bosque das Colinas, Mendes, Laranjeiras do Abdias e Laranjeiras dos Cosmes.
O vereador Luiz Manoel solicitou que seja alocado um coveiro em caráter fixo no cemitério de Laranjeiras do Abdias.
O vereador Jean Nerino solicitou ao Poder Executivo Municipal, Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Secretaria Municipal de Obras, providências no sentido de fazer no terreno do Parque Industrial deste município, limpeza, demarcação dos lotes e a perfuração de um poço tubular para atender as necessidades das empresas.
O vereador Kericlis Júnior Solicitou informações do novo cemitério público.
A vereadora Silvânia Gomes solicitou a construção de três paradas de ônibus localizadas na comunidade do Pau Brasil neste município.
A Presidente da Câmara Municipal, vereadora Carla Simone destacou a importância que o Projeto Câmara Cultural representa para casa legislativa e para os mipibuenses: “como todos sabem, esse é um dos projetos que essa casa tem com maior importância, pois ele cuida, exalta, forma e, acima de tudo, propaga a nossa cultura e nossos fazedores de cultura e artistas”. E acrescentou acerca da classe artística do município: “o momento pelo qual estamos passando, era preciso se fazer algo pela nossa classe de artistas, sobretudo, os músicos”.
Os vereadores Daniel Ferreira e Verônica Senra, ao fazer uso da palavra destacou a importância do Projeto Câmara Cultural para os artistas locais em especial aos músicos que estão a mais de um ano e quatro meses, sem realizar suas atividades, devido ao período pandêmico e deve ser a última classe artística a voltar aos trabalhos.